Páginas

15 de novembro de 2011

O nosso sexo de cada dia

Depois de muito tempo voltei a escrever sobre sexo. Ô coisa boa, né? Sexo é bom em tudo, até para escrever sobre ele. Depois da escrita do “poema infame” criei tesão para fazer esse texto. Texto esse prometido há tempos as minhas amigas que muito me ajudaram na elaboração dele.

Muitas das minhas queridas e amadas amigas e conhecidas se deparam comigo, no MSN ou no Facebook, aplicando questionários as mesmas sobre sexo e etc.. Pretenderei aqui desenvolver alguns resultados diante das respostas que me foram ditas.

Primeiramente minha intenção era escrever algo do tipo “o que pensam e desejem as mulheres” levando em consideração o sexo como principal pauta. Farei isso, todavia tentarei abranger o gênero masculino, porque eu sou homem, né?!

Os questionários que apliquei as minhas amigas vai de A a Z no que diz respeito a vida sexual de cada uma. É muito emocionante aplicar esses questionários a essas mulheres, pois além de nós colocarmos a imaginação para funcionar (imaginando as respostas que elas davam), conhecíamos as meninas que outrora imaginávamos conhecer. Como também matar nossa curiosidade (mal de historiador!).

Perdendo a virgindade... muitas não responderam essa pergunta, pois esse foi um dos primeiros questionários que apliquei e tudo mais. Achei desnecessário, porque na grande maioria das respostas as meninas diziam que isso era algo bem pessoal e sentimental (e estão certas!), todavia não devemos fazer uma generalização a esse respeito. Sei que a virgindade, para algumas meninas, é uma coisa muito importante, entretanto para outras é mais uma fase da sua vida. Da mesma maneira que para alguns tinha uma importância sentimental (as que perderam com seu namorado ou com a pessoa que amava por demais), existem também aquelas meninas que estavam com vontade na hora e perderam com aquele cara que havia conhecido naquela noite ou algum ficante de poucos dias. Por isso digo que as respostas vão de A a Z e podem variar muito.

Sexo oral... uma coisa que as meninas, no início, relutava muito para falar ou comentar sobre. Mas como o passar do tempo elas vão se aproximando mais de mim e ficando mais a vontade para falar a respeito. Muitas garotas não curtem fazer sexo oral e tal porque sentem nojinho de dá uma chupada no pau do rapaz com quem estão transando, todavia as mesma adoram por demais serem chupadas pelos garotos. Meio estranho uma coisa dessas, né? Se você gosta de receber o mesmo gênero de sexo, por que também não fazer? Nojo? Para mim isso não é justificativa. No entanto, não estou falando para as meninas andarem chupando os primeiros caras que aparecerem na frente delas, né. Sexo oral, para mim, é uma questão de confiança. Você não vai ficar chupando qualquer pessoa por aí sem saber a procedência da pessoa e etc.. Sexo oral é como alimento. Você não come qualquer coisa, logo não vai andar chupando qualquer um. Mas o que me deixa mais grilado em relação ao sexo oral é no que diz respeito aos homens. Uma parcela muito pouca, mas existe ainda. Tem uns amigos meus que adoram que as meninas chupem seus paus, todavia não querem chupar suas lindas bocetas. E o por quê? Nojo! Acreditam? Pois é. Da mesma forma que existe mulheres que não fazem isso por nojo, existem homens também. O que eu acho uma tremenda babaquice. Têm outros que adoram gozar na boca das meninas, mas se as meninas – após o gozo – ir querer beijar ele, o cara dá até na cara da menina. A porra da gala que está na boca da menina não é dele? Se nem a menina tem nojo de colocar a porra na boca, ele vai ter de colocar o que vem dele? (depois desse comentário não me venham com as piadinhas escrotos na Universidade) Bem estranho essa situação, né?

Ainda sobre o sexo oral... gozar na boca da menina. Garotinhos, antes de fazerem isso avisem as mesmas, pois nem todas as meninas curtem porra na boca, saca? Acho uma escrotagem do caralho o rapaz está sendo chupado pela menina, que às vezes nem gosta mas faz isso para lhe agradar (tem esse tipo de menina também!), aí o cara vai e goza na boca da menina. Ela pode até não falar nada na hora, mas depois não vá mais reclamar se ela não quiser fazer mais sexo oral em você ou até mesmo não transar contigo. Respeito pelo seu aparceiro sempre é bom e aconselhável.

Um conselho para as meninas: cuidado com os dentes. A cabecinha é muito sensível, saca? Uma vez uma garotinha pensava que a cabeça do meu cacete era pirulito e resolveu morder, acredita? Quase dei na cara dela. Adivinha o que aconteceu? Broxou na mesma hora. Isso não é uma coisa legal de se fazer. Da mesma forma, acredito, que você não desejariam que mordêssemos seu clitóris, logo nós não desejamos que vocês mordam nossos cacetes. Para todo caso, pergunte antes o rapaz. Têm caras que desejam isso. Uma amiga minha me disse que um cara já pediu que ela mordesse. Eu não gosto, mas tem quem goste disso. Cada um com seus cada quais.

E os lugares estranhos que as meninas andam fazendo sexo? Têm muitos! Eu já ouvi de tudo e é por isso que nem me espanto mais com o que me falam. Um dia desses uma amiga minha me disse que os lugares mais estranho que ela fez sexo foi no carro, na mesa da cozinha e tal, mas ela completou a frase dizendo que com o que a galera anda fazendo hoje isso nem mais estranho é. E concordo com ela! Vou dizer uns aqui que já escutei: no hospital, dentro do guarda roupas, na pracinha da universidade e da cidade onde mora, dentro de carro, dentro de sala de aula, dentro de barraca que cabe somente uma pessoa, dentro de banheiros (em universidades e até mesmo os banheiros químicos), depósitos, rede, escritório, ônibus, cinema e outros que não me lembro mais. Para essa seção de lugares estranhos estou querendo fazer alguns contos para colocar no meu blog, logo aguardem minha coragem para fazer isso.

Fantasias sexuais... no questionário que aplicava e tudo mais tinha a pergunta de se você tinha, tem ou já fez sexo com dois homens. Muitas tinham e têm esse desejo, mas algumas tinham quando eram mais novas e depois desistiram. Como também há àquelas que já tinham realizado e gostaram, não queria mais, achara engraçado e outras que pretendem fazer mais vezes. Tem gosto para tudo minha gente! Mas devo também destacar algumas fantasias das mulheres além dessa de transar com dois homens: fazer sexo com mulher e um homem, fazer em cima dum carro, fazer no meio da rua, fazer com outras pessoas olhando (também existe as meninas que já fizeram isso!), transar na praia (sonho de quase todas!) e outras que não lembram. São muitas. (sugestão: até mesmo para que nós possamos tornar o falar sobre sexo mais natural, vocês poderiam, quem quiser, postar suas fantasias sexuais realizadas e as que desejam realizar nos comentários desse post.).

O que todo homem deseja saber: como fazer para a mulher gozar? (sabemos, porque não somos otários, que isso é uma coisa que dá um trabalho para fazer em muitas garotas). As perguntas aqui variaram muito, amigos. Algumas disseram que para gozar tinham que ser à base de sexo selvagem, outras que tinha que está bem envolvida com a pessoa e tal, outras com sexo oral, e outras com a posição de quatro. Aqui cabe uma observação sobre a posição de quatro: muitas meninas questionam, e muito blog’s também, que essa posição não é muito legal de se fazer e também que as mulheres não gostam. O que me deparei nas respostas que obtive é que as meninas gostam sim, e que essa parada da posição desvalorizar a mulher, muitas nem ligam. Eu acredito e escutei delas também que essa posição é prazerosa para ambos. Em algumas meninas doem e tal porque o cacete vai até no fundo, mas têm outras que para sentir prazer necessitam dela. Isso fica a escolha de vocês e a conversa dos casais. Voltando sobre o prazer/orgasmo/gozo das meninas, conclui que é uma coisa ainda muito obscura para nós homens. Isso você vai ter que descobrir, colega. E para descobrir é ousar e inovar. Se você fica na mesmice e perceber que a garota não sente prazer, inove na relação.

Eu estou cansado de digitar e esse texto já está bem grandinho. Vou finalizar ele! Minha ultima observação é em relação às palavras ditas na hora do sexo. Meu “poema infame” causou uma polemica por causa disso. Você curti palavrões na hora do sexo? Estaria EU mentindo se disser que não. Eu curto, todavia você tem que analisar com que tipo de menina você está transando. Você, homem, pode curtir chamar a garota de safada, gostosa, cachorra, safada e outras palavrinhas legais, no entanto a menina pode não gostar. Como também tem a menina que curte ser chamada assim, se sente desejada sendo chamada dessa forma, e o cara pode não gostar de chamá-la assim (esse caso é mais difícil de ser encontrado, mas existe!). Como também da mesma forma têm as meninas que adoram, eu disse ADORAM, levar tapas na bunda e tal, e nós não sabemos disse e nem elas se pronunciam. Em suma, o que conclui de tudo isso é que no que diz a relação sexual que você quer obter e fazer, você tem que conhecer a pessoa muito bem ou não. Não precisam ser melhores amigos e tal, mas sim você ser um rapaz esperto e perceber as coisas ao seu redor. Sexo é descoberta. Descubra do que seu parceiro ou parceira gosta, pois assim vocês farão uma foda maravilhosa. Quem sabe outro dia eu escrevo mais aqui sobre esses questionários, pois ainda se tem muita a coisa a falar. Então vão lá e fodam ou batam uma punheta ou siririca! Beijos, amigos.

Um comentário: